Notícias

XP Commodities - Acompanhamento diário do mercado de milho (30/07)

Em Campinas (SP), a especulação altista persiste nesta abertura de semana e a baixa disponibilidade de milho, principalmente diferido, dita o rumo das negociações. Apesar da má qualidade de parte das lavouras, produtores também aproveitam o tempo seco para segurar a colheita e intensificar a pressão. De acordo com informantes, estes aguardam uma nova disparada do dólar ou das referências de Chicago para galgar um novo nível de referências. Ainda que os compradores locais não demonstrem apetite de compra, o fato gera um excedente de demanda no mercado paulista e força o avanço de preços. Intermediários e Silos que estão estocados aproveitam o vazio para subir as pedidas e negociar. A média de negócios captada pela XP Investimentos está em R$ 38,74/sc, com alta de R$ 0,39/sc. Nos portos (Santos e Paranaguá), as tradings, mais uma vez, reajustam positivamente as indicações para agosto e setembro nos níveis de R$ 39,50-40,50/sc. Para Jul/18, a soma dos lineup’s de todos os portos indica 8,89 MT para a soja (-0,15 MT/dia) e 2,02 MT para o milho (+0,03 MT/dia).

Área restrita

Entre em contato

Receber newsletter


Copyright 2013 Coan Consultoria